Tríduo ao Sagrado Coração de Jesus

CARÍSSIMOS IRMÃOS E IRMÃS

Queremos partilhar com alegria da espiritualidade que nos proporciona o Sagrado Coração de Jesus. Durante esses dias que antecedem a Solenidade do Coração de Jesus, a Igreja oferece este mistério à nossa contemplação, o mistério do coração de um Deus que comove e derrama o seu amor sobre a humanidade, deste modo, somos convidados a renovar o nosso compromisso de amor e fidelidade ao Sagrado Coração de Jesus, buscando viver uma espiritualidade do coração, dedicando-nos às devoções, regras, orações e às pessoas com as quais vivemos diariamente,  na família, , no trabalho , na escola , no bairro ou em qualquer lugar que nos encontramos.

Nesse intuito,   o Apostolado da Oração convidam você e família, grupos, movimentos, pastorais e comunidades a celebrarem o Tríduo Festivo em honra ao Sagrado Coração de Jesus em suas casas com a família que acontecerá no período de 16 a 18 de junho de 2020, com a seguinte PROGRAMAÇÃO:

I. Primeiro Dia – Coração Amoroso

Em nome…

Oh! Coração bondoso do meu Jesus, quanto fostes fiel às vossas promessas! Vós afiançastes à vossa dileta discípula santa Margarida que nos concederíeis qualquer graça, que vos pedíssemos pelos vossos merecimentos, contanto que se não opusesse ao bem da nossa alma. Ora, fiados nessas promessas, recorremos a Vós em nossas tribulações e vos dignastes valer-nos prontamente. Sede para sempre Bendito! Para vos agradecer a mercê que dispensastes, nós vos oferecemos os tributos de graças que os anjos e os santos vos prestam no céu e junto com eles.

Bendito seja sempre e louvado o Coração que assim nos valeu.

Meditemos – 1 Coríntios 10, 16-17 O cálice da bênção que nós abençoamos, não é comunhão com o sangue de Cristo? O pão que partimos, não é comunhão com o corpo de Cristo?  E como um único pão, nós, embora muitos, somos um só corpo, pois participamos todos desse único pão.

( Silêncio e partilha)

Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória ao Pai…

Doce Coração do meu Jesus, fazei que vos ame cada vez mais.

Ó Coração de Jesus, artífice da Eucaristia. A Eucaristia é o maior presente do Coração de Cristo. Fonte e coroa de toda a vida da Igreja, a Eucaristia, Sacrifício da Missa, renova no altar a Obra da Redenção, a Eucaristia-Sacramento é vida, Eucaristia-Presença real é o amor vivo de Cristo na nossa caminhada para o Pai. Amém

II.Segundo Dia: Coração bondoso

Em nome …

Não aconteça jamais, oh! Coração diviníssimo de Jesus, que de nós também vos queixeis, como dos leprosos, que depois de curados nem foram sequer vos agradecer. Não. Queremos, pelo contrário, imitar o único dentre eles que, mal se viu curado, voltou, glorificando a Deus, em altas vozes e se prostrou, dando-vos humílimas graças. Do mesmo modo vos bendizemos :

Bendito seja sempre e louvado o Coração que assim nos valeu (3vz)

Meditar : Lucas 17, 11-19 : Caminhando para Jerusalém, aconteceu que Jesus passava entre a Samaria e a Galiléia.  Quando estava para entrar num povoado, dez leprosos foram ao encontro dele. Pararam de longe, e gritaram: «Jesus, Mestre, tem compaixão de nós!» Ao -los, Jesus disse: «Vão apresentar-se aos sacerdotesEnquanto caminhavam, aconteceu que ficaram curados.  Ao perceber que estava curado, um deles voltou atrás dando glória a Deus em alta voz. Jogou-se no chão, aos pés de Jesus, e lhe agradeceu. E este era um samaritano. Então Jesus lhe perguntou: «Não foram dez os curados? E os outros nove, onde estão? Não houve quem voltasse para dar glória a Deus, a não ser este estrangeiro?» E disse a ele: «Levante-se e . Sua o salvou

(Silêncio e partilha)

Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória ao Pai…

Doce Coração do meu Jesus, fazei que vos ame cada vez mais.

Ó Coração de Jesus, fornalha ardente de caridade. Assim O invocamos na Ladainha do Sagrado Coração. Só Deus pode medir o amor de Cristo para com o Pai e para com os homens. Ele o demonstrou cumprindo de modo fidelíssimo a vontade do Pai, e entregando-se inteiramente pela salvação dos homens. Amém

III.Terceiro Dia: Coração Obediente

Em nome…

Pouco nos aproveitariam, oh! Senhor, as mercês até aqui recebidas, se delas não tomássemos impulsos, para confiarmos sempre mais em Vós, e crescermos na devoção ao vosso Coração. São estes os propósitos que fazemos agora na vossa presença e ao mesmo tempo as graças que vos pedimos. Sim, oh! Jesus, dai-nos uma confiança ilimitada, perpétua, sincera, no vosso Coração, em todas as nossas necessidades espirituais e temporais, de sorte que Só Nele busquemos o remédio a todos os nossos males. Fazei que cresça sempre em nós a devoção verdadeira, terna e confiante ao vosso Abençoado Coração, afim de que recorrendo sempre a ele, e alcançando quando pedimos, possamos cheios de reconhecimento e de júbilo:

Bendito seja sempre e louvado o Coração que assim nos valeu (3 vz)

Meditemos : Filipenses 2, 5- 9 * Tenham em vocês os mesmos sentimentos que havia em Jesus Cristo:    Ele tinha a condição divina, mas não se apegou a sua igualdade com Deus.     Pelo contrário, esvaziou-se a si mesmo, assumindo a condição de servo e tornando-se semelhante aos homens. Assim, apresentando-se como simples homem,        humilhou-se a si mesmo, tornando-se obediente até a morte, e morte de cruz!     Por isso, Deus o exaltou grandemente, e lhe deu o Nome que está acima de qualquer outro nome.

( Silêncio e partilha)

Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória ao Pai…

Doce Coração do meu Jesus, fazei que vos ame cada vez mais.

Ó Coração de Jesus, atrativo dos nossos corações; no Calvário, do lado aberto de Cristo, jorraram sangue e água. Sangue e água que simbolizam a Igreja e os sacramentos. A Igreja é o caminho normal para Cristo, os sacramentos são canais que nos comunicam as graças da redenção. Cristo nos atrai, continuamente, para Si pela Igreja e pelos sacramentos. Amém

<< Voltar