Ano Santo da Misericórdia

Misericórdia é a junção de duas palavras (compaixão) + (coração). Assim, pode-se entender misericórdia, como “coração compadecido”.

Cristianismo

No Antigo Testamento, Deus é considerado “misericordioso e compassivo” como no Salmos 103:8. A ênfase na misericórdia aparece em numerosas partes do Novo Testamento, por exemplo, como nas Bem-aventuranças em Mateus 5:7 “Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia”, a Parábola do Filho Pródigo (Lucas 15:11-32), tornou-se um tema importante sobre a extensão da misericórdia divina para os outros. Em Efésios 2:4-5, o apóstolo Paulo refere-se à misericórdia de Deus em termos de salvação: “Mas Deus, sendo rico em misericórdia pela sua grande caridade com que nos amou, mesmo quando estávamos mortos pelos nossos delitos, nos deu vida juntamente com Cristo (pela graça sois salvos),”.

Catolicismo romano

O Catecismo da Igreja Católica enfatiza a importância das obras de misericórdia (item 2447) e no ensino católico romano, a misericórdia de Deus flui através da obra do Espírito Santo.inclui referências frequentes à liturgia católica romana misericórdia, por exemplo, como no Kyrie eleison (“Senhor, tende piedade (de nós); Cristo, tende piedade (de nós); Senhor, tende piedade (de nós)”).

Os Atos de Misericórdia

AS 14 OBRAS DE MISERICÓRDIA

As obras de misericórdia citados no Evangelho são principalmente sete corporais e sete espirituais. As corporais são as seguintes:

1 – Dar de comer a quem tem fome;2 – Dar de beber a quem tem sede;3 – Vestir os nus;4 – Dar pousada aos peregrinos;5 – Visitar os enfermos e encarcerados;6 – Remir os cativos;7 – Enterrar os mortos.

As obras de misericórdia espirituais são estas:

1 – Dar bons conselhos;2 – Ensinar os ignorantes;3 – Corrigir os que erram;4 – Consolar os aflitos;5 – Perdoar as injúrias;6 – Sofrer com paciência a fraqueza do próximo;7 – Rogar a Deus pelos vivos e defuntos.

As obras de misericórdia são as ações caritativas pelas quais socorremos o próximo nas suas necessidades corporais e espirituais. (CIC $2447)

As sagradas escrituras:

Pois eu estava com fome, e me destes de comer; estava com sede, e me destes de beber; eu era forasteiro, e me recebestes em casa; estava nu e me vestistes; doente, e cuidastes de mim; na prisão, e fostes visitar-me. ( Mt 25, 35-36 )

Felizes os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia. (Mt 5, 7)

Misericórdia eu quero não sacrifícios … (Mt 12, 7)

Religião pura e sem mancha diante de Deus Pai é esta: assistir os órfãos e viúvas em suas dificuldades e guardar-se livre da corrupção do mundo. (Tg1,27)

Escutai, meus caríssimos irmãos: não escolheu Deus os pobres aos olhos do mundo para serem ricos na fé e herdeiros do Reino que prometeu aos que o amam? Mas vós desprezais o pobre! (Tg 2, 5-6)

Papa Francisco: O Ano Santo da misericórdia (2016) “Decidi convocar um Jubileu Extraordinário que tenha o seu centro na Misericórdia de Deus. Será um Ano Santo da Misericórdia. (…) Este Ano Santo iniciar-se-á na próxima solenidade da Imaculada Conceição 8 de dezembro de 2015 e terminará a 20 de novembro de 2016. ”

Foi com estas palavras que o Papa Francisco anunciou o Ano Santo da Misericórdia abrindo uma janela para a Reconciliação, para o encontro dos fiéis com Deus e para o reencontro com a Igreja daqueles que têm estado à margem ou, numa linguagem atualmente mais pontifícia: aqueles que têm estado nas periferias da Igreja.

“Sede misericordiosos como o Pai”, versículo retirado do Evangelho de S. Lucas, será o lema deste Jubileu Extraordinário. Um lema que é um apelo para que todos acreditemos na penitência e na reconciliação como o caminho do cristão.

Oração da Misericórdia:

Senhor, dá-me olhos misericordiosos, para que meu olhar possa ver a necessidade em cada lugar. Senhor, dá-me uma boca silenciosa, para que só pronuncie palavras de amor e de luz. Senhor, dá-me um caminho humilde, para que meus pés caminhem pela senda da simplicidade. Senhor, dá-me ouvidos cristalinos, para que só ouça. Tuas palavras em todo lugar. Senhor, dá-me um coração puro, para que guarde a esperança e, em Tua Divina Misericórdia, alcance a redenção. Senhor, dá-me mãos prodigiosas, para que só doe e sirva aos necessitados de ti. Amém

<< Voltar