Segundo Domingo do Tempo Comum

Quem é Jesus?

Deus jamais ignorou os anseios da humanidade pela vida. Pelo contrário, seu projeto é dar a todos liberdade e vida em plenitude. Mas nem todos conhecem e aceitam esse projeto. De fato, para que isso se realiza, é necessário fazer a experiência de Jesus, saber quem ele é e procurar testemunhar essa experiência como João Batista, como Paulo. Os que mergulham no ser de Deus acabam aderindo à sua vontade, recebem o Espírito e se tornam servos, testemunhas e apóstolos. Tal é o desafio que a Palavra de Deus nos oferece hoje.

Vocação dos Filhos de Deus

Isaias 49, 3-6 – Segundo Canto do servo de Javé; Luz das nações, vocação, missão. Recebe a missão de anunciar a todos a misericórdia e a fidelidade de Deus. Para isso recebe o espírito de Javé. Deusa faz de seu Servo o Libertador de Israel e a Luz das Nações. Na sua humildade revela-se a força de Deus.

1 Coríntios 1,1-3 – A vocação de Paulo ao apostolado e nossa vocação à vida santa . Início da 1Cor: na qualidade de vocacionado de Cristo, Paulo lembra aos coríntios sua santa vocação. Pela vontade de Deus, apóstolo e comunidade formam uma só realidade. Daí a paixão pela unidade da comunidade, nos primeiros capítulos desta carta.

João 1,29-34 – O testemunho de João Batista sobre a missão de Jesus e o dom do Espírito – Destacam-se as seguintes idéias : a) Jesus é o ordeiro de Deus que tira o pecado do mundo; b) o Espírito permanece nele;  c) ele é o Eleito ( o Filho ) de Deus. Nestas feições plenifica-se a figura do Servo de Javé: sofrimento que resgata o nosso pecado (Is 53), Espírito de Deus, vocação de Servo ou Filho (Is 42,1). Por causa da imagem do Cordeiro em Is 53, o Batista anuncia Jesus como verdadeiro Servo mediante o título de Cordeiro, o sacrifício por excelência do antigo Israel.

Tempo Comum

Os domingos do Tempo Comum seguem, em grandes linhas, os passos da vida pública de Jesus, desde seu batismo por João até o conflito final em Jerusalém e o anúncio do Juízo. Em regra, segue-se a leitura contínua do evangelho de Mateus. Mas há exceções: alguns episódios são desenvolvidos só por João e são , então, intercalados dentro da seqüência de  Mateus. É o caso hoje. Na festa do Batismo do Senhor, ouvimos o relato por Mateus deste fato. Hoje, o evangelho traz a interpretação por João do mesmo fato. Ele considera sob o ângulo da revelação: o Batista veio para que o Cordeiro de Deus seja conhecido em Israel.

<< Voltar